A sustentabilidade está cada vez mais presente no dia a dia, e principalmente na moda. Diversas marcas vem se posicionando e repensando a produção de sua cadeia têxtil para  que impacte positivamente o meio ambiente.

A GetRedress – “Reparação” é uma ong ambiental que trabalha para cortar os resíduos na indústria da moda.  O setor é responsável pela emissão de 1,2 bilhão de toneladas de gases de efeito estufa por ano. Além do descarte de um caminhão de lixo têxtil por segundo. Pensando nisso a ONG cria diversas ações para mudar a maneira de pensar o consumo de moda. Entre elas um prêmio e exposições para designers que se destacam nessa área.

Sarah Jane Fergusson foi a ganhadora de um prêmio especial de Design na, ReDress Awards em 2018, por reformar e reutilizar algumas peças de seu acervo. A designer apaixonada por Kimonos, mergulha no upcycling e transforma diversas peças a partir de Kimonos vintage.  Além de desenvolver um grande desfile com toda coleção proveniente do reuso e transformação das peças.A artista participou de uma exposição que teve a visita de pessoas de mais de 55 nacionalidades diferentes.

Reduzir, reciclar e renovar, são atitudes essenciais para aumentar o impacto positivo que queremos para o meio em que vivemos. E você como tem consumido e contribuído para um futuro sustentável?

 

@nathalie_spehner

 

 

Fontes: Ecycle, GetRedress, Global Fashion Exchange.