Desde 2010 o Instituto Flor Gentil já distribuiu cerca de cem mil arranjos de flores  em instituições e casas de repousos, a partir de flores que seriam descartadas por eventos em São Paulo. Esta verdadeira rede linda e florida, eles chamam de alimento para a alma.

Conheça mais do trabalho, nesta conversa que tivemos com Cecilia Maia,  diretora geral do Instituto Flor Gentil:

ECOERA – O que motivou a criar o Instituto?

O Flor Gentil, na verdade, traz comida pra alma. A gente é uma ONG que foi criada em 2010 por uma florista, a Helena Lunardeli, que estava muito incomodada com essa questão do desperdício. Ela fazia eventos e, na desmontagem, as pessoas comentavam: tantas flores aqui e eu não consegui fazer o casamento da minha filha, por exemplo. E ela, incomodada com essa situação, uma vez, levou as flores do evento pra sede do Flor Gentil, onde juntou um grupo de amigos e funcionários e fizeram o que foi o embrião do nosso projeto.  O que nós fazemos hoje? Nós colhemos flores de eventos, geralmente casamentos e festas de 15 anos, levamos pra nossa sede, lá a gente separa o que tá bom do que não tá bom, e a triste realidade é que a grande maioria tá boa – eu digo “triste realidade” porque isso seria jogado fora -, mas no final, a gente reaproveita tudo. E o que não está em ótimo estado a gente monta pequenos arranjos que são distribuídos em casas de repouso de São Paulo. Hoje, nós atendemos mais de setenta casas de repouso e, desde a criação do projeto, já alcançamos mais de cem mil arranjos distribuídos.

ECOERA – As flores que “sobram” dos eventos podem ser reaproveitados em outros eventos?  Estamos falando de upcycling florístico? risos

Sim. A gente doa também pra outras instituições que vão fazer eventos num segmento que a gente chama de fundo gentil. São instituições beneficentes. Essa semana, por exemplo, a gente doou pra Fundação Dorina Nowill, que vai fazer um jantar amanhã, e pra ABEM, que é a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla, que estava fazendo um evento também.  Então, essas instituições que muitas vezes não tem como decorar, entram em contato com a gente e quando a gente tem material disponível a gente doa pra eles também. Esses são alguns dos segmentos que a gente tá atendendo. Instituições que trabalham com idosos são o carro chefe pelo qual o projeto é conhecido, mas nós também trabalhamos com essas outras instituições.

ECOERA – O que muda na vida de quem se beneficia com uma iniciativa como o Flor Gentil? Que percepções vocês têm sobre a mudança dentro de um ambiente que passa a ser florido?

Muda tudo. Faz toda a diferença. A gente vê que o ato de ofertar flores é um ato super simples, mas que muda a energia de um lugar. Muitas vezes, o pessoal conta que você chega na instituição, as senhoras estão todas sentadinhas na sala de TV, imersas em seus próprios pensamentos. E essa é uma cena muito comum. Só que quando a gente chega com as flores, elas já começam a conversar e já querem contar um pouco da vida delas. Na verdade, o que elas querem é a nossa presença. A gente usa a flor como um veículo pra chegar nas pessoas. E isso muda tudo. Muda quem recebe e muda principalmente quem participa do projeto, que é quem doa. Mexe com todos, desde o início da cadeia. Desde a noiva que resolveu doar, ou seja, estender um pouco aquele momento super feliz da vida dela, mexe com a gente, que faz o trabalho, e você pode perguntar pra qualquer voluntário, todo mundo sai transformado de alguma maneira. Então, eu acho que traz uma leveza, traz um pouco de vida, traz bastante luz, cor, muda tudo.

ECOERA – Vocês aceitam voluntários. Como as pessoas podem interagir com o Flor Gentil?

A gente sempre aceita voluntários. Nosso programa de voluntariado é super flexível, a pessoa não tem que se comprometer a ir todo dia ou toda semana, por exemplo, e é só entrar em contato com a gente pelo e-mail voluntariado@florgentil.com.br, e lá a gente explica tudo. No nosso site também tem tudo bem explicadinho, tem uma sessão “como ajudar”, e uma sessão de perguntas frequentes também. Quem quiser pode dar uma olhada lá: www.florgentil.com.br