Inaugurado há mais de 30 décadas, o Centro Cultural São Paulo (CCSP) é um dos primeiros centros culturais multidisciplinares do país. Combina a oferta de programação e de serviços culturais – gratuitos ou a preços acessíveis – com a disponibilização de seus espaços e instalações para um uso plural, livre e propositivo de seus frequentadores, provocando uma reflexão quanto ao papel dos espaços e serviços públicos na promoção da cultura, da criatividade, da cidadania e da autonomia em uma cidade com as dimensões de São Paulo.

                (foto reprodução instagram – Erika Palomino)

Em uma nova fase o CCSP, trocou de diretoria e quem assumiu  é a  consultora e jornalista Erika Palomino. “Com DNA inovador, assim como o Centro Cultural, a nova diretoria tem como uma das metas direcionadas pelo secretário promover a integração entre um dos principais pontos de vanguarda cultural da cidade e as expressões espontâneas que se apropriam organicamente do espaço” afirmou o centro cultural em comunicado. Erika é conhecida pelo seu trabalho com a moda onde colaborou com revistas como, Marie Claire, Harper’s Bazaar, Elle, Vogue entre outras…

Na nova equipe que pretende dar uma repaginada ao CCSP, também fazem parte Karlla Girotto, na área de moda e Josélia Aguiar, na literatura. A curadoria de dança foi resgatada e a direção fica por conta de Sônia Sobral, ex-integrante do núcleo de artes cênicas do Itaú Cultural. Além de uma curadoria para performances que está sob responsabilidade de Mauricio Ianês. Nas Artes visuais quem coordena agora é Diane Lima.

                 (foto reprodução instagram – Erika Palomino)

“Aceitei honrada o convite do Secretário de Cultura da Prefeitura de São Paulo Aleyoussef para dirigir o Centro Cultural São Paulo, um dos espaços mais importantes da cidade. A missão é, citando o Secretário, valorizar e potencializar a vocação de vanguarda do CCSP. Com seu conceito multidisciplinar e sua arquitetura única, o @centroculturalsp sempre se sobressaiu no cenário artístico e de novos comportamentos no país. Mais que isso, faz parte de um lindo imaginário afetivo da gente de SP. A ideia é reforçar ainda mais essa conexão, fortalecendo o poder dos encontros, do talento, da diversidade, do livre fluxo das ideias e das manifestações culturais. Conto com todas e todos para construirmos este projeto tão importante para a cidade (também o maior e mais desafiador que já enfrentei nos meus 30 anos de trabalho). Vamos juntos? ” disse  Erika Palomino

 

Centro Culltural São Paulo 

Rua Vergueiro n 1000, Paraíso -São Paulo-  SP

Fonte: Centro Cultural São Paulo