A Live Nation, uma das maiores promotoras de shows do mundo vai banir os canudos de plástico ​​de seus eventos. A empresa de entretenimento uniu-se ao grupo de proteção aos oceanos, a Lonely Whale, e se comprometeu a remover todos os canudos de plástico de uso único e a introduzir uma alternativa de papel ecologicamente correta em seu lugar.

A campanha “For A Strawless Ocean” (Por um oceano sem canudo) da Lonely Whale, quer reduzir a poluição proveniente dos canudos plásticos, usando a hashtag #StopSucking For A Strawless Ocean”, algo como #PareDeSugar por um oceano sem canudos. Como já falamos por aqui, todos os dias, quase 500 milhões de canudos de plástico são jogados fora, e como não são biodegradáveis, eles permanecem no meio ambiente.

“For A Strawless Ocean” disponibilizou um guia de campanha, um chatbot com tecnologia de inteligência artificial, materiais personalizáveis ​​de marketing e descontos em canudos alternativos, avaliados pela Lonely Whale.

Seguindo a linha de eventos 100% sem canudos, a Goldenvoice, organizadora do Coachella e do Stagecoach, também decidiu fazer algo, eliminando-os de seus eventos. Os dois festivais serão os primeiros da América do Norte a ficarem completamente livres de canudos!

Os canudinhos estão entre os muitos itens de uso único que jogamos fora todos os dias. Substituindo canudos plásticos por alternativas reutilizáveis ​​ou biodegradáveis, podemos reduzir drasticamente a quantidade de resíduos que acaba nos oceanos. No total, despejamos anualmente 8,8 milhões de toneladas de plástico nos oceanos – então uma redução de canudinhos faria uma bela diferença nesse cenário.

Banir os canudos em grandes festivais de música mantém milhões de microplásticos fora dos ambientes marinhos, além de ser uma ótima maneira de aumentar a conscientização para o nosso problema geral de plástico.

O portal ECOERA é colaborativo, todos podem participar! Tem sugestões? Mande para nós: conteudo@portalecoera.com.br