Na última sexta feira, dia 27 de março, aconteceu o primeiro Webinar A Moda Pela Água.

O encontro, liderado por Chiara Gadaleta, fundadora do Movimento Ecoera e idealizadora da Plataforma A Moda Pela Água, reuniu diversos profissionais das áreas de moda, beleza, design e sustentabilidade para discutirem e compartilharem suas ideias e saberes sobre a gestão dos recursos hídricos no Brasil.

O SUMMIT A MODA PELA ÁGUA, estava previsto para acontecer de forma presencial, no estado de São Paulo, quando começamos a nos deparar com as primeiras notícias à respeito da COVID-19. Rapidamente, toda a equipe do Movimento Ecoera direcionou esforços para que o evento pudesse ser realizado de forma online.

O Webinar nos possibilitou um dia de muita troca e aprendizado e, principalmente, levarmos todo esse conteúdo à mais e mais pessoas.

Uma ótima oportunidade de disseminar em rede um assunto primordial para que possamos rever nossas formas de produzir e consumir moda.

O evento começou às 09:30 e contou com uma programação de extrema relevância e cuidadosamente selecionada para que pudéssemos contemplar os diversos olhares de diferentes áreas de atuação e impacto.

Acompanhe um pouco sobre como o encontro aconteceu:

Às 09:30, tivemos a abertura oficial com Chiara Gadaleta.

Chiara trouxe sua vivência no mercado de moda, apresentando que a moda pode e deve ser o upcycling da sustentabilidade.

Apresentando um panorama dos trabalhos realizados e a importância de abrirmos agenda para falar sobre água.

Em seguida, tivemos a presença de Carlo Ferreira, diretor executivo do Pacto Global ONU Brasil, falando sobre a importância da agenda 2030 e todos os desafios que estamos vivendo neste período de pandemia.

Às 10:00 tivemos o painel: “Moda e Meio Ambiente: Sustentabilidade, seus mitos, possibilidades e promessas”. Uma reunião muito especial com profissionais de diferentes atuações do setor da moda.

Contamos com: Silvana Heilmeister (Harpers Bazaar), Gustavo Silvestre (Projeto Ponto Firme), Dudu Bertholini (stylist) , Giovanna Nader (Projeto Gaveta), Prof. Tita e Chiara Gadaleta (Movimento Ecoera) com mediação de Andrea Vialli.

Um momento de muita reflexão sobre os caminhos que o mercado tem tomado e quais são os futuros desejáveis.

Logo após, tivemos o prazer de receber as empresas Guardiãs da Água Pela Moda do ciclo 1 – Você pode conhecê-las aqui – compartilhando suas práticas mais responsáveis e seus desafios para cuidar desse bem tão precioso para todos nós, a água.

Seguindo, começamos o painel “A Moda e suas alternativas para os Micro Plásticos”, com a participação de Giuliana Moreira (GT Água/ONU Pacto Global), Malu Ribeiro (SOS Mata Atlântica), José Guilherme Teixeira (Cotton Move), Angelo Lima (Observatório das Águas), Flavia Aranha (Flavia Aranha), Antonio Queiroz (Assistente Executivo da Presidência – Cetesb)  e a mediação de Chiara Gadaleta.

Tivemos como discussão central a importância de trazermos alternativas em escala e cuidarmos de nossas águas com mais atenção.

Também tivemos o prazer de compartilhar o Manifesto Sou de Algodão, um campanha realizada pelo movimento como apoio e carinho à todas que fazem parte dessa grande indústria. Você pode conferir o vídeo aqui:

Retornamos com o painel “Parcerias inovadoras em prol da Água na Moda” com Marcel Yoshimi Imaizumi (Vicunha) e Marussia Whately (Instituto Água e Saneamento). 

Um momento extremamente relevante, com a contextualização necessária sobre o uso dos recursos hídricos no Brasil e quais as novas possibilidades.

Como penúltimo painel, tivemos o tema: “Rastreabilidade: Início de uma moda transparente” com Claudio Bicudo (H2O Company), Juliana Picoli (Fundação Getúlio Vargas) e Márcio Portocarrero (Abrapa) também com mediação de Chiara Gadaleta.

Tivemos o prazer de compartilhar as boas práticas do cultivo do algodão no Brasil e entender de forma ainda mais clara, o funcionamento e importância do Selo ABR.

Você pode ser mais aqui.

Antes do encerramento, recebemos a querida Chantal Brissac falando sobre a edição de março da Revista 29HORAS“Caminho das Águas”

A edição teve a curadoria de Chiara Gadaleta e recebeu, pela segunda vez, o Selo Carbon Free Ecoera – saiba mais aqui.

Acesse a versão online da revista aqui!

Chiara Gadaleta fez o encerramento, com profundo agradecimento pelo dia intenso e de muito aprendizado.

Você acompanhar todos os conteúdos e se tornar um Guardião da Água em amodapelaagua.com.br e @amodapelaagua

Foto: Pexels