Amanhã é dia de DOAR!

O Dia de Doar começou no Brasil em 2013, logo após a primeira edição que teve seu início nos Estados Unidos.

Esse dia faz parte de um grande movimento para promover a doação em diversos países espalhados pelo mundo. Hoje são cerca de 55 países que participam oficialmente da data e aproximadamente 190 ações que potencializam essa rede.

O objetivo é engajar a rede a participar de diversas ações que estão acontecendo ao redor do mundo.
No Brasil, é possível encontrar esse movimento em diferentes estabelecimentos e negócios que se conectaram com a campanha.

O Dia de Doar é realizado pelo Movimento por uma Cultura de Doação, uma coalização de organizações e indivíduos que promovem o engajamento das pessoas com as causas e as organizações da sociedade civil, por meio da doação como instrumento para fortalecimento da democracia.

Sua organização é de responsabilidade e liderança da ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos, em parceria com a Umbigo do Mundo Comunicação Estratégica.

O Dia de Doar, como ação de apoio à organizações da sociedade civil, conta com doações financeiras para manter inúmeros projetos. Se você conhece algum deles e acredita na sua importância de entrega sociais, siga em frente!

Mas, como o Brasil também faz parte de uma cultura de doação de diversos outros recursos, queremos compartilhar algumas dicas e orientações sobre a doação de objetos e artigos diversos.
Assim, você pode fazer sua parte de forma correta e responsável.

Roupas / Calçados / Roupas Íntimas:
Jamais às jogue no lixo!
Certifique-se que estejam em bom estado de uso.

Você pode:
-Doá-las para Instituições que promovam algum tipo de Bazar beneficente; -Encaminhá-las à Instituições que cuidam de pessoas desabrigadas e/ou centros comunitários, como Casa Transitória, Orfanatos, Asilos entre outros;
-Doá-las para espaços e/ou profissionais que utilizam peças como matéria prima para construção de outras roupas.

Especificamente roupas:
Algumas redes varejistas estão dispondo em suas lojas, caixas coletoras para receber essas peças. Após o recolhimento, elas são destinadas a Instituições que necessitam de doação.

Especificamente meias:

Você pode levar pares ou meias desparceiradas até as lojas Puket (Puket.com.br)
A marca recolhe essas peças e faz um trabalho de desfibramento (desmancha e transforma em novo “fio”) para poder produzir cobertas que serão doadas à quem necessita.

Alimentos:
Certifique-se que os alimentos estão dentro do prazo de validade e informações presentes no rótulo.
Assim, você pode encaminhá-los à Instituições que necessitem desse tipo de produto.

Brinquedos:
Você pode encaminhá-los à Instituições como: Casa Transitória, orfanatos e creches. Vale entrar em contato antes de dirigir-se até o local.

Móveis:
Já é possível encontrar diversos bazares espalhados pelas cidades que promovem a venda de móveis e outros artigos de casa.
Vale entrar em contato para saber mais informações sobre coleta, recebimento e disponibilidade.

Lembre-se, a doação é uma oportunidade de ajudar e favorecer alguém que precise muito de algo. Não uma forma de resolver o seu problema quanto a algum produto ou artigo que já não tenha mais utilidade.
Pense com carinho em como essa doação pode ajudar quem precisa recebê-la.

FONTE: Dia de Doar | Instituto C&A | Puket FOTO: Pexels