Por Renata Namo

Dia 05/06 é o Dia Mundial do Meio Ambiente.

A data foi escolhida em referência a abertura da 1ª Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente, realizada em Estocolmo- Suécia, no ano de 1972.

De lá para cá o mundo começou a olhar para o tema da ecologia de uma maneira totalmente diferente. As leis, as forças políticas e econômicas, mas, principalmente, a consciência das pessoas passou por uma revolução. Descobrimos que o ar, a água, a madeira e os minérios não provém de fontes infinitas, ao contrário, estão narrando historias de catástrofes e escassez.

Iniciativas como a Conferência de Estocolmo continuam a acontecer de tempos e tempos e permanecem provocando transformações como, por exemplo a Rio + 20 recentemente, em 2012.  Ela reuniu um total de 193 países e foi pauta de uma das maiores coberturas jornalísticas mundiais de toda a história, sendo acompanhada dia a dia em todo o planeta.

Para esse ano, a ONU escolheu a China como cidade sede das comemorações do Dia Mundial do Meio Ambiente e elegeu a despoluição do ar como tema nuclear do WED 2019.

Para divulgar a sua causa, a ONU lançou a campanha #AcabarComAPoluiçãodoAr que abraça uma porção de ítens educativos e eventos paralelos.

A plataforma A Moda Pela Água quer juntar a sua voz a essa campanha porque entende que quando o assunto é o clima da Terra, ar e água andam de mão dadas e são indissociáveis.

Ar, terra, água e fogo – representando a madeira.

Elementos vitais que nós, os seres humanos, devemos nos unir como o quinto elemento fundamental para manter a roda da vida girando com dignidade, justiça, alegria e esperança.

Vista a sua máscara – descubra como e porque assistindo o vídeo da ONU e junte-se a essa festa do tamanho do mundo!