Já sabemos que o plástico está em nossas vidas por todas as partes, principalmente o plástico descartável.

Neste mês #JulhosemPlastico vamos indicar dois filmes que mostram o plástico além dos nossos olhos. Um sobre o impacto que está provocando nos oceanos e outro sobre o impacto nada fácil num dos países produtores de mais bugigangas plásticas no mundo, a China

Plastic Oceans, ou Oceanos de Plástico, está disponível pelo Netflix.

Lançado em 2016, com direção e roteiro de Craig Nelson, é um impactante filme sobre o plástico descartável e as consequências nos oceanos. Basicamente mostra de das mais de 300 milhões de toneladas que plástico produzido, pelo menos metade é de plástico descartável, ou para ser usado apenas uma vez. Hoje são em médio 8 milhões de toneladas de plástico despejados nos mares todo ano.

Plastic Ocean é também uma Fundação.

Veja o Trailer:

Plastic China, a dura realidade mostrada em documentário

A China é o país que mais recicla no mundo. O país também é responsável por produzir uma imensa quantidade de lixo; a cidade de Pequim, por exemplo, produz 30.000 toneladas de lixo por dia.

Para mostrar essa realidade de quem trabalha em centros de reciclagem na China, o cineasta Wang Jiuliang lançou no Festival de Sundance em 2017 o documentário “Plastic China”.

O filme apresenta, através dos olhos e das mãos de quem lida com os resíduos, como o processo de triagem dos plásticos é nocivo para os trabalhadores. Parte dos resíduos contém materiais perigosos, elementos venenosos ou corrosivos; a queima de resíduos plásticos produz grandes quantidades de descarga, poluindo o ar pesadamente, e é comum a ocorrência de câncer nos locais onde estão localizados os centros de reciclagem de plásticos. Em paralelo, mostra a vida de Yi-Jie, uma menina de 11 anos, que trabalha com seus pais na reciclagem enquanto sonha em frequentar a escola.

https://www.plasticchina.org/

Assista ao Trailer: